Satisfação de pacientes – A importância da realização de pesquisas para medição

Vamos entender o que significa paciente de acordo com o dicionário:

Do ponto de vista médico, ao que está doente e sob cuidados médicos.

Um paciente de hospital é caracterizado como aquele que necessita de cuidados médicos e clínicos, seja por estar doente ou suspeitar que tenha alguma doença.

Agora vamos entender a importância de se medir as experiências dos pacientes. 

Saber opiniões e expectativas dos pacientes fará com que os primeiros passos sejam conquistados para se obter sucesso no negócio. 

E essas informações podem ser capturadas via pesquisas de satisfação.

Essa metodologia de análise é realizada por todos os tipos de empresas com o intuito de melhorar seus processos para ter um resultado cada vez melhor aos olhos de seus clientes.

Realizar pesquisas está sendo um ponto diferencial entre clínicas, hospitais, prontos atendimento e toda a rede de saúde que estão entendendo que os pacientes fazem parte do processo de entrega de resultados internos e de captação de novos negócios.

A aplicação de pesquisas mostra o interesse da unidade em saber como melhorar seu atendimento escutando quem vai fazer sua unidade permanecer viva dentro do mercado.

Assim aumenta a viabilidade de construção de escuta dando voz ao cliente via abertura de pesquisas de satisfação.

Mas o que é uma pesquisa de satisfação? 

São informações coletadas dos pacientes para análises estatísticas e detecção de falhas em seus processos, com essas coletas interferências nos processos como problemas apresentados, poderá ser resolvidas o mais breve possível reduzindo os descontentamentos posteriores, gerando assim um atendimento mais eficiente e de excelência.

As pesquisas normalmente são realizadas através de perguntas abertas e fechadas de acordo com o que se deseja entender dos pacientes para tomadas de ações. Com a aplicação de planos de ações específicos e até mesmo para criações de novos serviços, fica mais fácil de analisar as informações recebidas dos pacientes. 

Na maioria das vezes os pacientes se sentem incomodados em fazer críticas às unidades de atendimento quando as pesquisas são feitas pessoalmente ou por telefone, com um atendente solicitando as respostas.

Por isso os canais sem a interação de um atendente estão sendo mais usados assim reduzindo os riscos dessas pesquisas não serem realistas, deixando o paciente com mais liberdade para poder demonstrar suas insatisfações e claro suas satisfações também.

A PliQ trabalha exatamente com o tipo de coleta sem a interferência humana, reduzindo a irrealidade de coletas com a intervenção humana de forma presencial, tendo todos os canais disponíveis para ajudar em fazer esses contatos e deixar os pacientes mais livres em responder as pesquisas de satisfação.
Mas a humanização é importante também para que os pacientes possam saber quem está dentro da execução dos processos, por isso a PliQ tem a forma de pesquisas por vídeos, onde as pesquisas são gravadas e enviadas por todos os canais de comunicação, o nosso PliQ Play. 

A importância da análise dos resultados.

Com os resultados coletados os gestores das unidades poderão realizar planejamentos de melhorias em cima do que está sendo mais comentado pelos pacientes e assim tomando ações corretivas e preventivas mais assertivas, gerando inclusive redução de custos.

Com os processos otimizados os pré e pós atendimentos ficarão bem mais claros e terão fluidez em todas as etapas de contato dos pacientes com a instituição. 

Conclusão

As pesquisas de satisfação são extremamente importantes para que os pacientes possam mostrar as unidades como serem melhores na visão deles, para se antecipar a problemas e resolvê-los, e melhorar os processos internos.

Tenha sempre uma demanda ativa e planejada para a realização de pesquisas em pontos de contatos das jornadas dos pacientes para que as satisfações sejam mensuradas.

Aproveite e olhe também o artigo
https://www.pliq.io/como-criar-uma-pesquisa/


Por Denise Barroso

Cofundadora da PliQ

Veja também!

O que é o NPS 3.0?

Recentemente, Fred Reichheld lançou o NPS 3.0 em um artigo na Harvard Business Review. Uma versão mais atualizada da métrica que já é utilizada por

Veja mais »

2022 PliQ. Todos os direitos reservados.

Explique Consultoria Empresarial de Inovação e Processos LTDA CNPJ: 32.320.081/0001-01

EnglishPortugueseSpanish